Importância da exposição correta
das plantas ao sol

Meia sombra
Raphis. (@natalie.stepaniuk)

Na hora de compor um jardim uma das principais etapas é pensar na exposição correta das plantas ao sol. A intensidade e a duração corretas da exposição das plantas à radiação solar é fundamental para a produção de flores, frutos e para a saúde do seu jardim. Saber das exigências de cada espécie é indispensável para a longevidade do seu jardim. Se em seu jardim você quiser ainda uma planta frutífera então conhecer as exigências de cada espécie é fundamental pois a produção de frutas tem lá suas exigências relacionadas a esses fatores!

Saiba porque é importante

A luz do sol é fonte de energia para as plantas. Cada espécie exige uma quantidade maior ou menor de exposição à luz solar para que as reações químicas necessárias para sua sobrevivência aconteçam. A exposição correta das plantas à luz solar afeta processos como a fotossíntese (processo físico-químico realizado para obter glicose através da energia da luz solar) , fotomorfogênese (desenvolvimento da forma e da estrutura das plantas, que é afetada pela luz) e fototropismo (movimento de inclinação das plantas em direção à luz, devido ao maior crescimento face do vegetal que não está voltada para a fonte de luz).

A duração da luz (cientificamente conhecida como fotoperíodo) é o período luminoso durante um dia e atua principalmente na mudança do estado vegetativo (crescimento de caule, galhos e folhas) para o reprodutivo (formação de flores e frutos). Para algumas espécies a duração da exposição à luz solar pode ser determinante para definir sua época de floração.

A intensidade de luz representa a quantidade de luz que atinge a planta. Por esse motivo a intensidade de luz afeta diretamente a fotossíntese e pode limitar ou otimizar o desenvolvimento da planta dependendo da espécie. A intensidade de luz pode ser regulada com o uso de materiais que ocasionem sombra como sombrites e telas, construções e espécies de plantas mais altas.

Em resumo, uma planta de sol que receba pouca luz torna-se murcha e sem vida, não produz flores nem frutos e não se desenvolve pois não consegue produzir a quantidade de energia necessária para que isso aconteça. Por outro lado, plantas de meia sombra e sombra que recebem muita luz diretamente acabam tendo queimaduras. Há plantas que suportam diferentes durações e intensidades de luz comportando-se de forma diferente em cada situação, o que pode ser um recurso a ser utilizado na definição das espécies do jardim.

Leia pesquisas sobre desenvolvimento de plantas ornamentais em diferentes condições de luminosidade aqui e aqui

Conhecer o local em que será implantado o jardim é imprescindível! Deve-se saber caminho da luz solar no terreno durante o dia e também onde haverá projeção de sombras causadas por outras espécies ou construções para que seja feita a escolha ideal das espécies de sol, meia sombra e sombra para o jardim.

Entenda a diferença

Plantas de sol

Plantas de sol (ou pleno sol) suportam a exposição direta ao sol e devem receber em torno de 7 horas de alta intensidade de luz solar por dia para que consigam realizar todas as reações químicas necessárias para geração de energia para sobreviver. Por esse motivo é muito importante que se avalie as sombras que podem vir a ser projetadas sobre essas plantas durante o dia. Se colocadas em ambientes com baixa intensidade de luz não se desenvolvem, florescem ou frutificam.

Alguns exemplos de plantas que gostam de condições de bastante exposição à luz solar são cactos (Cactus spp.), agaves (Agave spp.) e rosas do deserto (Adenium spp.). Os agapantos (Agapanthus africanus) também entram nessa lista apresentando florescimento mais bonito quando expostos à maior quantidade de luz.

Plantas de meia sombra

Para ser considerada de meia sombra a planta deve receber cerca de 3 horas de luz direta de menor intensidade (momentos menos quentes do dia) e pode permanecer sob luz indireta durante o restante do dia. Essas plantas crescem e vivem bem dentro de interiores bem iluminados e arejados e têm preferência pelo sol da manhã ou do fim da tarde. Em caso de dúvida sobre a quantidade de luz direta que a planta em vaso deve receber dentro de casa, por exemplo, basta ir trocando a planta de lugar de forma a variar a intensidade e quantidade de luz recebida e observar a sua aparência. Depois de um tempo, onde a planta parecer mais “feliz” é onde ela deve ficar.

A palmeira raphis (Rhapis excelsa) e o chifre-de-veado (Platycerium bifurcatum) são exemplos de plantas que vão bem quando expostas à essa quantidade de luz. Pra quem é supersticioso um exemplar bacana é a planta-chinesa-do-dinheiro (Pilea peperomioides) que, segundo os chineses, quando fica muito vigorosa dentro de casa é sinal de que o dinheiro está à caminho.

Plantas de sombra

Plantas de sombra são as que não devem receber luz solar direta em nenhum momento do dia. É importante lembrar que se tratando de plantas o termo “sombra” não significa escuridão, mas sim exposição à luz solar de maneira indireta. Essas plantas não devem ser expostas ao sol pleno para que não ocorram queimaduras em suas folhas, prejudicando seu desenvolvimento.

Como exemplo temos os antúrios (Anthurium andraeanum), facilmente encontrados embaixo de copas de árvores. Os pacovás (Philodendron martianum) e as zamioculcas (Zamioculcas zamiifolia) são ótimas opções para vasos em ambientes internos pois se desenvolvem muito bem. Além destes, a flor-de-cera (Hoya carnosa) é uma trepadeira cujas folhas queimam facilmente quando expostas à luz direta do sol.

Existem algumas plantas que conseguem transitar entre essas classificações, facilitando seu uso no paisagismo. No entanto, buscar um paisagista para realização de um projeto ou para uma consultoria sobre seu espaço é a melhor opção para definir quais plantas devem compor o seu jardim. 

Decidiu contratar um paisagista? Então entre em contato com a gente!

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Siga-nos nas redes sociais

Quer atualizar seu jardim?

HEDERA
faz pra você!

Entre em contato e solicite uma visita ; )
Clique aqui
Veja mais posts

Contato